Profissionais das creches de Manhuaçu adquirem novos conhecimentos em oficinas

A Secretaria de Educação da Prefeitura de Manhuaçu continua mobilizando educadores das creches e escolas municipais para o oferecimento de aprendizado cada vez melhor em sala de aula, em verdadeiro compromisso com a qualidade do ensino na Educação Básica. Recentemente, novas oficinas pedagógicas foram realizadas com profissionais das creches nos distritos e na cidade.

As oficinas mobilizaram 236 profissionais da rede municipal, que atuam em dezoito creches.

Para facilitar o acesso e a participação das profissionais, as oficinas foram divididas em polos nos distritos de Vilanova, Dom Corrêa e Santo Amaro de Minas, além da Escola Municipal São Vicente de Paulo, na cidade.

Luizaura Januário, Secretária Municipal de Educação, destaca que desde 2017, no início da Administração ‘Ouvir para Governar’, a Prefeita Cici Magalhães tem tido especial atenção com as questões da Educação, como a renovação da frota escolar com onze novos ônibus, a reforma de escolas, a construção de novas creches e trabalhos da Secretaria visando o aprimoramento constante dos servidores.

Sobre as oficinas, a Secretária Luizaura pontuou que ‘foi mais um momento ímpar da administração municipal. Por meio das oficinas pedagógicas, nossas profissionais da Educação tiveram a oportunidade de enriquecer a prática e fortalecer o grande trabalho dos professores/monitores das creches. Agradecemos o empenho das pedagogas responsáveis pelas creches e a participação de todos os professores e monitores’.

Os trabalhos foram conduzidos pelas Pedagogas Telma Natal da Silva e Maria Guiomar Toledo Marcelino Medeiros, com o tema ‘Brinquedos e brincadeiras’. Elas evidenciaram que ‘houve troca de experiências, numa aprendizagem de diversos conteúdos, de forma lúdica, em que o professor/monitor é o mediador da aprendizagem. Os profissionais foram capacitados para enriquecer atividades realizadas nas creches, como a agilidade, coordenação motora, percepção visual, competências para ler e escrever, formas de expressão e comunicação, autoliderança, organização do tempo e muito mais’.

(SECCOM)