Nota Oficial!

Como informado na última segunda-feira (11/05), o Club de Regatas Vasco da Vasco da Gama tem sido obrigado a readequar seu quadro de colaboradores em virtude, especialmente, das dificuldades financeiras impostas pela pandemia da Covid-19. Nesse contexto, as atividades da divisão paralímpica foram encerradas momentaneamente, até que o Clube reúna novamente condições de investir em uma área pela qual sempre demonstrou apreço. Ressalte-se de que o Clube não dispõe de recursos incentivados. Toda a divisão paralímpica do Vasco, com investimento de R$ 1 milhão/ano, entre salários, viagens, despesas com competição, uniformes e encargos operacionais, era custeada pela própria Instituição.
O cenário de queda abrupta e significativa das receitas não deixa alternativa senão a adoção de medidas dolorosas para fazer frente à pandemia e à consequente crise econômica. O momento exige decisões duras em nome da sobrevivência do Clube.
A Diretoria Administrativa agradece aos atletas e à comissão técnica da divisão paralímpica por sua dedicação ao Club de Regatas Vasco da Gama.