Na estreia de Luxemburgo, Avaí arranca empate aos 49 do segundo tempo e mantém o Vasco na lanterna

Em jogo ruim, Sidão tem grande atuação, mas não evita gol de Daniel Amorim perto do apito final. Ricardo Graça faz o dos donos da casa em São Januário

 

Castigo no fim

Na noite da estreia de Vanderlei Luxemburgo, pouca coisa mudou no Vasco. Diante do Avaí, pela 5ª rodada do Campeonato Brasileiro, a equipe jogou muito mal em São Januário e contou com grande atuação de Sidão para não sair atrás do placar. Os cruz-maltinos ainda conseguiram marcar o primeiro gol do jogo em uma das poucas chances, mas sentiram o gosto amargo quando os catarinenses, superiores na partida, empataram aos 49 minutos do segundo tempo: 1 a 1. As duas equipes seguem sem vencer no Brasileiro, e o Vasco continua na lanterna da competição.

 

  • O jogoSidão Vasco x Avaí São Januário
  • Avaí na bronca

    Técnico da equipe catarinense, Geninho protagonizou diversos momentos de reclamação com a arbitragem. No primeiro tempo, pediu pênaltis por toques de mão em duas ocasiões – envolvendo Werley e Ricardo. Depois, no lance que antecedeu o gol vascaíno, protestou, com razão, de uma marcação equivocada de escanteio. Rossi cruzou direto para fora, mas o árbitro viu desvio inexistente (veja no vídeo abaixo). Neste último caso, o VAR nada poderia fazer.

     

    • DESTAQUES INDIVIDUAIS

      Mais finalizações: João Paulo (5)

      Mais faltas cometidas: Brenner (4)

      Mais faltas recebidas: Lucas Mineiro (4)

      Mais roubadas de bola: Andrey (4)

      Mais passes errados: Ricardo Graça (5)

      Mais defesas difíceis: Sidão (5)

    • FIM DE JOGO

      NÚMEROS DO JOGO

      VASCO X AVAÍ

      Posse de bola: 53% x 47%

      Finalizações: 10 x 17

      Chances reais de gol: 3 x 7

      Bolas levantadas: 17 x 24

      Faltas cometidas: 16 x 15

      Passes errados: 30 x 19

      Roubadas de bola: 18 x 11