>> Flamengo

  • O Fortaleza tem o 12º desempenho mandante (5V, 4E, 4D, 49%), com segunda melhor defesa (dez gols sofridos em 13 jogos, média 0,77). Só o São Paulo consegue melhor desempenho defensivo em casa (média 0,46). Já ataque do Fortaleza é o terceiro pior mandante (12 gols, média 0,92). O Flamengo tem o melhor desempenho visitante (7V, 2E, 3D, 64%) com o segundo melhor ataque visitante (20 gols marcados em 12 jogos, média 1,67). Curiosamente, só o São Paulo tem melhor desempenho ofensivo fora de casa (média 1,69). A defesa é apenas a 13ª visitante (18 gols sofridos, média 1,5).
  • Quando mandante, o Fortaleza faz 10,9 finalizações, terceira menor média, e precisa de 11,8 finalizações para conseguir um gol, quinta pior média. O Flamengo fora sofre 13,9 finalizações por jogo, 11ª marca, e resiste a 9,3, 13ª marca. O ataque do Flamengo quando visitante faz em média 12,8 finalizações, quinta maior marca, e precisa de 7,7 finalizações em média para conseguir um gol, segunda melhor marca. O Fortaleza em casa só permite 9,1 finalizações aos visitantes, quarta melhor média caseira, e leva um gol a cada 11,8 finalizações que sofre, quinta melhor marca.
  • Como bem mostra o gráfico de xG, o Flamengo vive sua fase mais produtiva no ataque (linha preta) no mesmo momento em que a defesa dificulta mais a produção dos adversários, ainda que o Bahia tenha conseguido finalizar mais na rodada passada e marcado três gols, o que deu uma quebrada na sequência defensiva (linha vermelha) do time carioca. Por coincidência, o gráfico do Fortaleza mostra as mesmas tendências de melhora, apesar da queda na rodada passada no clássico contra o Ceará, o que traz uma expectativa especial para o confronto.
 — Foto: Espião Estatístico

— Foto: Espião Estatístico