Mário H.
Manhumirim
54362953_580526742427497_3329664900778688512_nUm dia desses eu estava contando para um dos meus filhos que a igreja matriz, ao contrário do que muitos pensam, não teve sua construção iniciada pelo Pe. Júlio Maria – que assumiu a responsabilidade pela obra a partir da torre. Comentávamos sobre os feitos que esse grande homem realizou em nossa cidade. Foi uma conversa rápida, sem maiores pretensões. Mas foi o suficiente para dar aquele start na minha mente: tá chegando o aniversário da minha cidade.Manhumirim faz hoje 95 anos. Quando falo de Manhumirim, quando penso na cidade, não penso de imediato nos lindos pontos turísticos: seminário, igreja, mirante, colégio Santa Teresinha, parque do Sagui, Rio Claro… não. Eu penso na Av. Teófilo Tostes, onde eu cresci. Penso na banca de jornal, onde meu pai costumava ir com frequência. Penso no bar da Odete e no Chalezinho, onde vou sempre que estou na cidade. Esses ambientes comuns e pitorescos é que me fazem lembrar de Manhumirim. Além do cheiro de mata verde, coisa que não vemos na cidade grande. E do costume do café sempre fresquinho onde quer que a gente vá.Manhumirim é uma terra linda, cheia de esperanças e gente que luta. Presto a você, minha terra natal, lugar onde meu umbigo está enterrado, essa sincera homenagem! Parabéns, minha querida “Rio Pequeno”! Parabéns, Manhumirim!

 
# Compartilhe...FacebookTwitterGoogle+LinkedInPinterestEmail