REDAÇÃO (MG) - A surpresa marcou a apuração do primeiro turno para governador em Minas. Com 100% das urnas apuradas em Minas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) o candidato do partido Novo, Romeu Zema, terminou na frente com 42,73% dos votos válidos. Na conta do TRE os votos brancos e nulos não são considerados.

Ele ultrapassou Antonio Anastasia (PSDB) – apontado como primeiro até então -, que ficou com 29,06%, na segunda posição. O governador Fernando Pimentel (PT), que tentava a reeleição, ficou em terceiro com 23,12% e está fora da disputa. A apuração em Minas levou cerca de cinco horas para ser concluída.

A vitória no primeiro turno surpreendeu não só os eleitores, mas a própria campanha de Zema. O candidato do Novo, afirmou em coletiva que acredita que o “cansaço” dos mineiros com as velhas caras que disputam os pleitos em Minas foi o grande motivador do seu eleitor. O empresário recebeu 4.138.967 votos.

Caso eleito, Zema anunciou o compromisso de não convocar nenhum deputado estadual ou federal para assumir cargos em seu governo. “Terei um secretariado 100% técnico. Os secretários serão escolhidos da mesma forma que uma empresa. Vamos selecionar no mercado”, assegurou.

Já Antônio Anastasia recebeu 2.814.704 votos e vai para o segundo turno amargando a queda da primeira posição, como apontavam os institutos de pesquisa nas últimas pesquisas de intenção. Logo que a apuração começou o tucano já apareceu na segunda posição. Na coletiva, o tucano não disfarçava a surpresa, mas afirmou que o objetivo de retirar o PT da disputa foi alcançado.

O senador destacou o fato de o governador Fernando Pimentel (PT) não ter chegado ao segundo turno. Anastasia disse que o mineiro deu uma resposta à altura dos equívocos e falhas do atual governo.

“Os mineiros mostraram esse repúdio nas urnas”. O ex-governador ainda acrescentou: “O grande objetivo foi alcançado, que foi a retirada do PT do desgoverno do Pimentel de Minas Gerais, bem como a derrota de sua candidata ao senado”.

O governador Fernando Pimentel (PT), terminou a apuração na terceira posição e deixou a disputa, Ele recebeu 2.239.979 votos, mas que não foram suficientes para mantê-lo no pleito.

Por nota, o candidato ressaltou que “o resultado das urnas é soberano” e que espera do próximo governador compromisso com os interesses do estado. “Fizemos uma campanha verdadeira, transparente e propositiva”.

Sem definir se apoia ou não algum candidato ao governo no segundo turno, Pimentel disse que continuará defendendo “que o amor e a esperança vençam o ódio e a intolerância”.

 Portal Uai 

Zema x Anastasia

# Compartilhe...FacebookTwitterGoogle+LinkedInPinterestEmail