Motoristas ilhados e comércio atingido por água acumulada

 

Após chuva intensa, diversos pontos de Coronel Fabriciano ficaram alagados na tarde desta segunda-feira (11/12).

Na Avenida Governador José de Magalhães Pinto, principalmente na região do Bairro Giovanini, a água subiu mais de 50 centímetros. O sistema de escoamento de água pluvial não suportou o volume de chuva e a avenida encheu. Alguns motoristas ficaram ilhados em meio a via. O comércio também foi atingido com a água acumulada. Pessoas que passavam pela rodoviária velha tiveram que subir nos bancos de concreto para não ficar dentro da água.

Outro ponto crítico de alagamento foi a Avenida Presidente Tancredo de Almeida Neves, no Caladinho de Cima, bairro com extenso histórico de desastres no período chuvoso. Condutores e pedestres que estão em trânsito, devem ficar atentos com o nível da água e buscar por rotas menos suscetíveis de inundações.

A Gerência de Proteção e Defesa Civil de Fabriciano estima que somente no início da tarde houve uma precipitação de 50mm.

No Bairro Nossa Senhora do Carmo, um imóvel foi interditado por apresentar risco de desmoronamento. Duas irmãs, ocupantes da residência, foram orientadas e decidiram se abrigar na casa de parentes. Na Rua Armando Fajardo, no Bairro Santa Helena, um muro caiu.

A Defesa Civil não registrou nenhuma ocorrência com vítimas.

 

Fonte: Tv Cultura – Parceira do Super Canal

Sequência 01.00_16_41_24.Quadro016 Sequência 01.00_16_51_16.Quadro017 Sequência 01.00_17_12_18.Quadro018

# Compartilhe...FacebookTwitterGoogle+LinkedInPinterestEmail